• programar todos os pagamentos;
  • checar se há concessão de férias de funcionários;
  • deixar assinados os respectivos papéis, quando couber;
  • conversar longamente com o zelador, orienta-lo quanto ao andamento de obras, produtos/serviços adquiridos ainda não entregues e orçamentos solicitados;
  • enviar aviso à empresa de segurança;
  • deixar um preposto formalmente nomeado para eventuais audiências judiciais agendadas nesse ínterim, firma reconhecida e tudo.
  • Solicitar à administradora que providencie um comunicado aos condôminos noticiando suas férias.

Fonte: Síndico Legal